13 de maio de 2013

Fascínio da chuva


Delírio é entregar-me ao fascínio da chuva 
Da j...anela seu canto me amordaça 
Minha alma sonha em tempestade 
Impossível esquecer o que não passa...

 Sílvia Mello

3 comentários:

Élys disse...

Muito bonito!...
Quando não passa,de fato,não dá para esquecer.

FG disse...

Cuando cae la lluvia, ese sonido, ese rumor que acompaña y adormece. Me encanta ver llover.

Dete disse...

Lindo, lindo. Hipnotiza a gente. Bjs

Se alguém perguntar por mim diga que pinto poesias, não gosto de desalegrias e amo a paixão. Nos traços de uma pintura imagino a saudade e todo o amor que invade o sentimento de um coração 

 Marcos Andruchak